Casa e Jardim

Melhor nobreak: vantagens e como escolher

Nobreak

Com a chegada das épocas de chuva, as quedas de energia e picos de alta tensão se tornam cada vez mais comum em grande parte do Brasil. Por isso, investir em um nobreak pode ser uma opção para proteger seus aparelhos e arquivos salvos neles.

Embora grande parte da população esteja mais habituada a utilizar o estilizador, o nobreak traz muito mais vantagens do que esse dispositivo. Além disso, nos podemos usá-lo em redes de segurança, equipamentos médicos e outros aparelhos que precisam ficar ligados 24 horas por dia. Quer saber todos os detalhes? Confira a seguir!

O que é nobreak?

O nobreak é um dispositivo que regula a pureza e a voltagem da energia antes que ela chegue aos aparelhos eletrônicos. Além disso, ele os mantém ligados por um período em caso de queda energia, o que permite fazer o desligamento seguro e salvamento dos arquivos. Ou seja, ele serve de proteção para os equipamentos elétricos.

Atualmente, existem três tipos de nobreak:

  1. Off-line: é o modelo mais básico e barato. Ele estabiliza os picos de tensão por meio de uma bateria. Por isso, ele é recomendado para uso doméstico e equipamentos pequenos.
  2. Interativo: além da bateria, esse tipo de nobreak contém uma peça reguladora automática de voltagem (AVR). Dessa forma, ele tem capacidade para estabilizar a corrente elétrica, tanto em picos como em declínios.
  3. Online: é recomendado para proteger equipamentos grandes e sensíveis, que precisam de energia ininterrupta. Como ele tem dupla conversão, a saída de corrente é sempre perfeita, independentemente de como ela chega ao dispositivo.

Como funciona o nobreak?

Além de proteger os equipamentos contra variações na rede elétrica, o nobreak os mantém ligados por um tempo; geralmente cerca de quinze minutos. Porém, isso pode variar de acordo com a potência e a quantidade de aparelhos conectados a ele.

R$ 354,40
em estoque
30 new from R$ 349,90
as of 31 de julho de 2021 11:25
Amazon.com.br
R$ 409,10
em estoque
13 new from R$ 409,10
as of 31 de julho de 2021 11:25
Amazon.com.br
R$ 429,14
em estoque
29 new from R$ 429,14
as of 31 de julho de 2021 11:25
Amazon.com.br
R$ 682,00
em estoque
19 new from R$ 682,00
as of 31 de julho de 2021 11:25
Amazon.com.br
R$ 862,64
em estoque
19 new from R$ 858,18
as of 31 de julho de 2021 11:25
Amazon.com.br

A potência do nobreak é medida em volt ampere (VA). Essa unidade de medida indica quanta ele energia ele fornecerá aos equipamentos em caso de falta de luz. Em média, esse tipo de dispositivo tem entre 500 VA e 3200 VA. Então, quanto maior a potência, mais tempo os equipamentos permanecerão ligados.

Via de regra, o nobreak suporta variações de energia de até 10%. Contudo, para que o dispositivo atue de forma eficaz, é importante tomarmos o cuidado de conectar equipamentos que tenham potência igual ou inferior à sua. Caso contrário, o nobreak não conseguirá proteger ou manter os aparelhos ligados.

Além disso, não recomenda-se conectar benjamins, extensões, estabilizadores ou filtros de linha nobreak, pois isso prejudica o seu desempenho e segurança. Ademais, nos devemos trocar as baterias do dispositivo pelo menos uma vez a cada três anos. Caso contrário, o nobreak não trará a segurança que promete.

Utilizando o nobreak da forma correta, nós poderemos aumentar a vida útil dos nossos equipamentos por protegê-los contra variações na rede elétrica. Também, embora o dispositivo não tenha energia para manter os equipamentos funcionando por várias horas, ele permite que tenhamos tempo suficiente para salvar nossos arquivos e desligar a máquina de forma segura.

Leia também:

melhor nobreak

Qual a diferença entre o nobreak e o estabilizador?

Embora sejam esteticamente muito parecidos, o estabilizador e nobreak funcionam de forma diferente. Como vimos, o nobreak tem a função de regular e purificar a corrente elétrica, além de manter os equipamentos ligados em caso de falta de luz.

Indica-se o uso do break equipamentos que contenham dados importantes, como servidores, computadores e sistemas de câmera de segurança. Além disso, é possível usá-lo em equipamentos médicos, máquinas industriais e portões elétricos.

Por outro lado, o estabilizador serve apenas para manter a corrente elétrica estável. Também, em caso de curtos circuitos, ele protegerá o aparelho que estiver ligado nele de queimar. Nesse caso, o fusível presente no estabilizador desarmará ou queimará. Porém, em situação de queda de energia, tanto o dispositivo como o equipamento ligado a ele serão desligados imediatamente.

Dessa forma, indica-se o estabilizador para proteger aparelhos de televisão, impressoras a laser, alguns computadores, entre outros equipamentos sensíveis a oscilações de energia.

Mas, será que isso quer dizer que o nobreak é melhor que o estabilizador?

Afinal, qual é melhor?

Sem dúvida, o nobreak é um dispositivo muito mais completo e avançado do que o estabilizador. Embora o estilizador tenha sido um item indispensável a alguns anos atrás, hoje ele já não tem capacidade de proteger os aparelhos mais modernos.

Isso acontece porque grande parte dos equipamentos elétricos já tem um estabilizador embutido neles. Assim, eles tem resposta mais rápida do que o dispositivo. Por exemplo, a maioria dos estabilizadores atua a uma frequência de 60 Hz, enquanto isso, os computadores mais potentes podem chegar até a 400.000 Hz, ou seja, mais de seis mil vezes maior.

Contudo, se o equipamento se você pretende conectar ao estabilizador tem potência menor ou igual a dele, ele ainda será uma ótima opção para protegê-lo. Na verdade, essa mesma regra vale para o nobreak.

Então, embora o nobreak seja um dispositivo mais completo e eficiente do que o estabilizador, ele não invadida o seu uso em todas as situações. Em todos os casos, é importante escolhermos um acessório com potência suficiente para suportar os aparelhos ligados a ele.

Considerações finais

De fato, o nobreak é um excelente forma de proteger seus equipamentos das oscilações da rede elétrica. Além disso, como ele consegue manter o aparelho ligado por alguns minutos, você terá a chance de salvar os seus arquivos e desligar a máquina com segurança.

Atualmente, um nobreak pode custar entre R$ 400,00 e R$ 70.000,00; dependendo do seu tipo, potência e indicações de uso. Porém, para uso residencial, um dispositivo de 1200 VA será mais que o suficiente para proteger seus aparelhos eletrônicos. Em média, um nobreak com essa potência custa R$ 600,00.

Deixe seu Comentário